[ editar artigo]

Quarentena!

Quarentena!

Desde que essa quarentena começou, me pego pensando na maternidade, isso por que vi muitas semelhanças com o NOVO NORMAL.

Demorei 6 anos pra entender por que o meu puerpério foi TÃO DIFÍCIL. Me senti muito sozinha e totalmente incompreendida.

Só hoje, percebi que o que mais pegou pra mim, foi ter perdido a minha individualidade, meu ir e vir, que aliás, isso é o que menos existe quando se tem filhos, quiçá em meio a quarentena.

A vida das pessoas ao nosso redor continua seguindo, e as mães estão no looping, fralda, banho, leite, comida, fralda, arroto, chupeta, esterilizar, fralda, pomada, etc... e mãe de 2 então?! NossaSenhoraDoPuerpério!!!

E nesse momento, onde TODA FAMÍLIA vivencia uma epidemia mundial, esse momento se tornou um grande puerpério coletivo.

As tarefas precisam ser divididas, o dia a dia se torna mais longo, e os nervos estão à flor da pele, pela incerteza do novo, do daqui para frente, do dia seguinte, do mês seguinte... assim como o que sentimos quando um novo membro chega a família.

O mais importante disso: FiqueEmCasa, neste momento é o melhor que podemos fazer por nós, pelo outro, por todos!

 

Instituto Mãe
Andressa Isola
Andressa Isola Seguir

Com a maternidade, descobri que sou muito mais forte do que imaginava, muito mais flexível e resiliente e aprendi diferentes habilidades. Busco levar informações para, mães, mulheres e famílias de maneira leve, inovadora e criativa!

Ler conteúdo completo
Indicados para você